Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Água Kangen
Por Grande Santa Rosa Notícias. Publicado em 10/08/2020

Tik Tok, o espião chinês

Por Ivar Hartmann


Quem não tem celular hoje em dia? É o novo componente de nosso corpo. Nos acompanha as 24 horas para nos ajudar em nossas atividades. Até, eventualmente, para ser usado como telefone. Por ele, passam nossas vidas. Nossas atividades, deslocamentos, operações bancárias, contatos. Se pudesse falar, seria um espião e tanto. Grátis. Por isso se criaram as senhas. Para nos proteger e manter no anonimato. Quem cederia sua senha para um amigo, por mais íntimo que fosse? Entre os milhões de usuários que nada de importante guardam em seus aparelhos, existem outros milhões que ocupam cargos relevantes: políticos, militares, jornalistas, empresários, cientistas, banqueiros etc. Ter entrado nas mensagens de celulares, por exemplo, foi muito importante na Lava Jato e abriu caminho para o combate a grande corrupção nacional. Ter acesso ao celular de um cientista que esteja trabalhando na descoberta de uma vacina contra o coronavirus, não tem preço. Seguir clandestinamente a agenda de um grande líder mundial, abriria um espaço infinito para decisões antecipadas ou mesmo chantagem ao líder seguido e ao país que representa.

Aí, entra a China. Conhecida de muitas gerações por não respeitar patentes e descobertas. Antigamente copiava os produtos japoneses com perfeição. E vendia estes produtos por menor preço, conquistando clientes ao redor do mundo. Os materiais eram inferiores mas o preço era convidativo. Depois passou a copiar medicamentos patenteados sem pagar royalties. É, portanto, velha conhecida como uma ditadura que não respeita as leis internacionais. Agora, europeus, americanos e indus têm certeza de que o Tik Tok, este aplicativo de mídia de sucesso no Brasil e no mundo, criado há quatro anos na China, nada mais é que um grande espião. Com a aparência de uma plataforma risonha, esconde os interesses da ditadura chinesa. Deve ser, ao lado da CIA, o maior espião em operações no mundo. Com mais potencial que o FBI, CIA e James Bond juntos. Com seus musicais, piadinhas curtas e textos, é sucesso. E pode-se baixar gratuitamente.

Por causa da espionagem industrial chinesa, os Estados Unidos fecharam um consulado do país. Depois, pediram que seus militares não baixassem o Tik Tok, e nestes dias, Trump afirmou que após profundas analises dos setores de segurança nacional, vai banir o aplicativo do seu território, pelo perigo nacional que representa. A Índia, que faz fronteira com a China e com a qual vive em litígio, temendo a espionagem possível com o seu uso, proibiu o mesmo em seu território, também como garantia da segurança nacional. A Europa está há meses estudando o app-espião, temerosa do perigo que representa ao estar aos serviços do governo chinês, porque já foi provado o envio de dados de usuários para servidores na China. Que servidores? Por que? Os brasileiros não precisam se preocupar, o simples acesso a um vídeo do Tik tok de um amigo não vai desvendar seus segredos mais íntimos. No entanto, se baixar a app, instalando o espião em seu celular, deve saber que os comunistas chineses o estão monitorando.

ivar4hartmann@gmail.com 

Representações BirckRepresentações Birck - 1 Filtros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck - 1 Representações Birck