Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015
Por Donato Heinen. Publicado em 11/06/2022

Notas e Apartes nº 1.461

Coluna publicada no jornal Gazeta Regional de 8-6-22


Viagem – Depois de 37 dias, chegou ao final a viagem ao Velho Continente. Em comparação às viagens anteriores à Europa, a principal surpresa negativa foi a alta dos preços. Principalmente no que se refere a alimentação, hospedagem e transporte. O que comprova que a inflação atingiu a maioria dos países do mundo, seja em menor ou maior índice, durante e após a pandemia de covid-19. Quem diz que a inflação no Brasil está muito elevada desconhece o que está ocorrendo no resto do mundo ou age de má-fé.

Dissabores – Além dos preços altos, tivemos outros dissabores. Pela primeira vez em 20 anos de viagens ao exterior tivemos uma mala extraviada ou furtada antes de chegar ao destino, no dia 27 de abril. A bagagem não foi localizada até agora. O prejuízo material é superior a 4,5 mil reais. Outros dissabores de ordem pessoal ocorreram. Mas não convém abordar isso publicamente. Apenas lamentar profundamente.

  Medjugorje – Também conhecida como Rainha da Paz, Nossa Senhora de Medjugorje teria aparecido para seis crianças croatas na então Vila de Medjugorje, no interior da Bósnia e Herzegovina, então integrante da antiga Iugoslávia. A primeira aparição teria ocorrido em 24 de junho de 1981, quando duas crianças relataram terem visto a Virgem Maria. Um dia depois, outras quatro crianças descreveram a mesma visão. A partir daí, Medjugorje passou a receber a peregrinação de milhares de cristãos. Estimativas indicam que cerca de dois milhões de pessoas visitam anualmente o santuário construído no local das aparições.

Controvérsias – As aparições de Nossa Senhora de Medjugorje são encaradas com reservas pelo Vaticano. Em 2008, o papa Bento XVI ordenou o confinamento do padre franciscano Tomislav Vlasic em um mosteiro na Itália. Vlasic é tido como líder espiritual das aparições e foi, inclusive, proibido de exercer suas funções eclesiásticas até ser concluída a análise do processo movido contra ele por “manipulação de consciências”. Especialistas do Vaticano dizem que se a Santa Sé duvida da idoneidade do padre Tomislav, também coloca sob suspeita a veracidade das aparições em Medjugorje.

O tempo – Ah, o tempo. Ele se encarrega de desmascarar muitos daqueles que acusaram os outros de disseminarem notícias falsas, principalmente durante a pandemia. Em 4 de março de 2021, o UOL publicou notícia com a seguinte manchete: “Com spray, Bolsonaro insiste em medicamento sem eficácia contra covid-19”. Já no domingo, 5, o G1 anunciou em manchete que “Vacina de spray nasal é o caminho para o fim da pandemia de Covid, apontam especialistas”. Nada como um dia depois do outro.

Chile – Após decorridos poucos meses da assunção da presidência do Chile pelo comunista Gabriel Boric, milhares de chilenos foram às ruas protestar contra o governo e pedir a renúncia do presidente. O comunista está levando o Chile para o mesmo caos da Venezuela e da Argentina. Mas a culpa é dos próprios chilenos, principalmente dos 44% de eleitores isentões que se abstiveram de votar e permitiram a eleição da esquerda, já que lá o voto é facultativo. Por omissão dos bons, a turma que prega o caos venceu. Mas o preço da derrocada do país com o comunismo é pago por toda população.

DataFolha – As pesquisas do DataFolha sobre eleições já são motivo de chacota por uma parcela cada vez maior da população. Principalmente porque estão divorciadas da realidade das ruas. Recente  pesquisa do instituto aponta que “Lula tem 23% dos seus eleitores de direita, e Bolsonaro, 29% de esquerda”. Sério?

  Donato Heinen

 
Representações BirckFiltros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck