Magazine RennerMieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Mieth Madeiras
Por Donato Heinen. Publicado em 05/10/2018

Notas e Apartes nº 1.271

Coluna publicada no jornal Gazeta Regional de 3-10-18


Informações falsas – Mais conhecidas pela expressão em inglês, as fake news, ou notícias falsas, são cada vez mais difundidas. Isso ocorre principalmente nas redes sociais, onde poucas pessoas se dão ao trabalho de conferir a veracidade. A maioria simplesmente recebe e repassa adiante. E, pior, acredita. E sequer desconfia ou se questiona sobre a veracidade. Muitas fake news são tão grosseiras que a pessoa minimamente informada deveria pelo menos desconfiar se aquilo é ou não verdade.

Política – Como estamos em período eleitoral, os temas favoritos são as notícias relacionadas a candidatos, eventos e outras referentes à política. Como exemplo, cito uma que circulou nos últimos dias no WhatsApp. Tem relação direta com o exercício do direito ao voto. Para dar ares de credibilidade, a mensagem menciona que o autor é alguém que teria passado por treinamento dado pela Justiça Eleitoral para trabalhar na eleição de domingo. Refere que se o eleitor votar apenas para presidente e em branco para os demais cargos, o voto presidencial não seria computado por ser considerado um “voto parcial”. Fico impressionado com as pessoas que acreditam nisso e simplesmente repassam para os seus contatos. Assim, acabam contribuindo cada vez mais para a difusão de fake news. Caro eleitor, que tal ligar o “desconfiômetro” antes de simplesmente repassar uma mensagem falsa? Fica a sugestão.

Campanha – Nunca se viu nada igual em termos de campanha política presidencial no Brasil como neste ano. O candidato que está em primeiro lugar em todas as pesquisas eleitorais ficou internado em um hospital durante 23 dias, após sofrer uma tentativa de assassinato. Impossibilitado, portanto, de ir para as ruas para fazer sua campanha política. E o que se viu foi algo inusitado. Apesar de estar imobilizado e ter apenas 8 segundos no horário eleitoral na TV, seu número de eleitores cresceu vertiginosamente.

Recursos – Com parcos recursos financeiros, a campanha de Jair Bolsonaro ganhou as ruas com pessoas que estão gastando dinheiro do próprio bolso para comprar camisetas, adesivos e outros itens. Ou seja, o povo tomou para si a tarefa de divulgar o candidato e angariar votos para ele.

Palocci – Ex-ministro dos governos Lula e Dilma, o médico Antônio Palocci ocupou cargos importantes no governo federal. Esteve no centro do poder durante vários anos e por isso participou de forma direta da maioria das negociatas e falcatruas dos governos do PT. Conhece muito bem a corrupção praticada ao longo de 13 anos, principalmente na Petrobras.

Colaboração – Preso por corrupção, Palocci resolveu colaborar com a Justiça informando detalhes sobre a forma como o ex-presidente Lula teria comandado o maior esquema de corrupção que já ocorreu em nosso país. Depois de quase um ano, finalmente a colaboração premiada foi acatada pela Justiça. Os acusados, como sempre, alegam que as denúncias são mentirosas. Mas a maioria do povo já não mais acredita nessa desculpa esfarrapada. Afinal, quem teria mais dados e informações a fornecer à Justiça do que alguém que participou diretamente das negociatas de corrupção?

Perfil – Segundo as pesquisas eleitorais, o maior contingente de possíveis eleitores do candidato do PT a presidente está entre os mais pobres e os menos instruídos. São pessoas que foram iludidas com o falso discurso da prosperidade que teria ocorrido no governo do ex-presidente presidiário. O que eles não sabem é que essa suposta melhoria na qualidade de vida teve um custo muito elevado para toda a sociedade com a mais profunda recessão que o Brasil já teve e continua vivendo. Ou seja, o Brasil foi governado usando um enorme “cheque sem fundo”. E a conta chegou já faz algum tempo. A fatura precisa ser paga. Governar usando recursos fictícios, jogando o país na mais profunda recessão, é fácil. O difícil é pagar a conta. 

Imobiliária Cerro AzulRepresentações BirckRepresentações Birck - 1 Cotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaRepresentações Birck - 1 Representações BirckImobiliária Cerro Azul