Magazine RennerMieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Mieth MadeirasGigabyte -
Por Grande Santa Rosa Notícias. Publicado em 10/01/2019

A eterna vigilância

Por Ivar Hartmann

Apesar de brizolista, sempre admirei uma frase da UDN, nossa inimiga mortal: “O preço da liberdade é a eterna vigilância!” Essa aparente contrariedade, talvez se explique por me considerar um eleitor em cima do muro. No alto dos extremos. Portanto capaz de tentar enxergar melhor. O ministério nomeado, escolhido sem politicagem, tomara que dê certo. E a trindade inimiga é clara: a putaria da Rede Globo, a bandidagem PT-PCC e o materialismo comunista. A ministra Damares Alves parece ser o elo fraco, então, nada melhor que atacá-la. Quando ela disse que tinha falado com Deus, de forma burra e estúpida, os petistas-comunistas atacaram-na. Quando ela falou que menino veste azul e menina rosa, os petistas-comunistas voltaram à carga. Afinal, o que ela disse de errado? No Brasil, é comum o uso do azul para meninos e o rosa para meninas. Comum. Não obrigatório. Quando eu era criança minha mãe deixou meus longos cabelos dourados cacheados crescerem. Eram bonitos. Não me fizeram uma menina. Graças a Deus, ao contrário. Alguns artistas famosos, de repente afirmam que são gays. Outros adultos fazem o mesmo. Nada de errado. É a opção sexual tomada pelo indivíduo quando já tem idade suficiente para buscar o que melhor lhe agrada. Não como a cartilha que o PT, de forma canalha, queria implantar nas escolas.

Temos que estar vigilantes contra a reação. A Globo, o PCC, o petismo-comunismo não assimilaram a derrota. O Brasil é uma democracia cristã ocidental. O governo que assumiu quer moralizar o país. Moralização na política, na televisão, nos usos e costumes. A respeito da frase da Damaris, seus defensores publicaram a resposta pelas redes, em forma de cores. Quatro  faixas de cores: Em cima o azul – dos meninos. Abaixo o rosa - das meninas. Depois o amarelo - dos presidiários, entre os quais pululam os petistas. A última faixa, vermelha - dos burros. A cor dos que a atacaram. Damares não está só. Os partidários do Bolsonaro estão vigilantes.

ivar4hartmann@gmail.com  

Representações BirckRepresentações Birck - 1 Cotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaRepresentações Birck - 1 Representações Birck