Magazine RennerMieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Mieth MadeirasConstinta
Por Grande Santa Rosa Notícias. Publicado em 31/08/2019

Minha querida Brigitte Macron

Por Ivar Hartmann


Primeiro te cumprimentar. Sem o falso politicamente correto tão em moda no Brasil entre gente tacanha. Uma mulher com a tua história de vida, e, que, apesar da diferença de idade com teu marido, conserva um matrimônio, tem que ser excepcional. Ao contrário desta gente jovem e bonita que abunda as páginas sociais, com pouca cabeça e muito sexo. Sexo até que faz bem para o corpo, mas não atende as necessidades das cabeças pensantes das nações. Desculpa, Brigitte, mas já que foste anteriormente professora do presidente Macron, creio que não o ensinaste a ser cavalheiro e educado. E a culpa do deselegante e grotesco comentário do nosso presidente Bolsonaro a teu respeito, deve-se ao teu marido que iniciou a rixa chamando-o de mentiroso. Quem aceita um comentário destes em silêncio? Depois, teu marido resolveu lançar dúvidas sobre como governar a Amazônia brasileira.

Hás de convir comigo, se ele está com tantos problemas para governar a França, haja vista as passeatas com quebra-quebra na própria Paris, e seu decrescente grau de popularidade, não é a pessoa mais indicada para sugerir formas de governar os territórios de outros países. No entanto, há três ações em que poderias ajudar teu marido. Primeira: não ouvir as corruptas lideranças esquerdistas brasileiras e as mentiras que difundem. Busque informações da NASA e mande seu embaixador á Amazônia. Em avião, em um fim de semana, ele percorrerá os principais focos dos incêndios que realmente existem lá. Segunda, mais difícil: achar formas de continuar protegendo os agricultores franceses, altamente subsidiados, sem protelar o tratado com o Brasil e Argentina sempre impedido pelos franceses.  Alemães e outros povos da UE são grandes compradores da França. Não aceitam mais comprar trigo, carne e vinho franceses pelo dobro do preço dos mesmos produtos de origem latina. Produzidos aqui por milhões de germânicos, seus descendentes. Questão de geopolítica e economia.  

ivar4hartmann@gmail.com  

Representações BirckRepresentações Birck - 1 Cotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaRepresentações Birck - 1 Representações Birck