Magazine RennerMieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Mieth Madeiras
Por Donato Heinen. Publicado em 20/11/2018 as 17:43:33

Estamos à beira de uma epidemia de ferrugem, mas os produtores não acreditam

Doença é extremamente agressiva


O Notícias Agrícolas conversou com o diretor-geral da Embrapa Soja, José Renato Farias, a respeito dos problemas que a cultura de soja vem enfrentando no Brasil na questão da ferrugem asiática.

Essa doença, extremamente agressiva, cria um cenário preocupante, já que o fungo muda de maneira rápida, se adapta e passa a ser resistente. Uma epidemia, contudo, está à beira de ocorrer, já que muitas formulações têm perdido a resistência.

Farias avalia que a antecipação da semeadura, que inicia em setembro em algumas regiões e se estende até dezembro, pode ser um problema capaz de disseminar a doença, já que a extensão de tempo de plantio pode aumentar a multiplicação do fungo e a seleção dos organismos mais resistentes.

A Embrapa orienta que a janela não seja tão extensa também por conta da ponte verde, que fica prolongada com esse tipo de plantio.

No Sudeste do Paraná, entretanto, os produtores estão realizando dois plantios de soja, alegando que o panorama climático mais frio não está ajudando na produtividade. Farias defende, porém, que a sustentabilidade do negócio da soja deve ser respeitada.

A Embrapa Soja vem realizando esforços desde 2001/2002 para identificar linhas mais avançadas de controle biológico, com uma parte genética trabalhando da mesma forma. "O produtor precisa ganhar dinheiro, mas o sistema produtivo dele tem que continuar viável", aponta o diretor. "Tem que acreditar na ciência e no que está sendo comprovado".

Ferrugem

Por João Batista Olivi e Izadora Pimenta

Fonte: Notícias Agrícolas 


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Imobiliária Cerro AzulRepresentações BirckRepresentações Birck - 1 Cotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaRepresentações Birck - 1 Representações BirckImobiliária Cerro Azul