Magazine RennerMieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Mieth MadeirasConstinta
Por Donato Heinen. Publicado em 13/08/2019 as 12:28:00

Polícia Civil realiza Operação Display em Santa Rosa e Tuparendi

A ofensiva contra lavagem de dinheiro tem participação do MP


Contando pela primeira vez com a participação direta do Ministério Público, na pessoa do promotor de Justiça Leandro Capaverde Pereira, a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) realiza a Operação Display, que ocorre nas cidades de Santa Rosa e Tuparendi nesta terça-feira, 13. Também é a primeira ofensiva contra lavagem de dinheiro em Santa Rosa, segundo informa a Polícia Civil.


A operação é desencadeada pela Draco sob o comando do delegado Tiago Tescke. Segundo o delegado regional, dr. Ubirajara Daniel Diehl Júnior, a ofensiva visa desarticular operações de lavagem de dinheiro na região. O líder dessas ações criminosas, que também tem negócios em Santa Rosa, reside na cidade de Tuparendi, onde foram apreendidos um Camaro e uma Hilux, entre outros bens como armas de fogo e dinheiro. 


Até o momento, as apreensões de bens nas duas cidades perfazem o total de aproximadamente um milhão de reais em veículos, terrenos e casas residenciais. Segundo o delegado Tiago, em apenas uma residência investigada foi apreendido o equivalente a cem mil reais em espécie, incluindo reais, dólares e pesos argentinos, sendo que em 10 anos foram movimentados cerca de R$ 13,5 milhões, resultados de apropriação indevida e estelionato. Essa ação poderá desencadear outras operações da Draco.


Ainda de acordo com o delegado Tiago, o inquérito policial prossegue nos próximos dez dias. As investigações iniciaram há cerca de 5 meses e novidades devem surgir nos próximos dias. Ele também agradeceu ao promotor Capaverde pela parceria e participação direta nas ações de campo realizadas hoje. 


Uma entrevista coletiva para a imprensa concedida na manhã de hoje (13) em Santa Rosa, o delegado Tescke informou que também foram apreendidos dois caminhões, um quadriciclo, duas motos, diversos celulares, cheques, documentos de veículos, notas promissórias, munições de diversos calibres e um iate, este avaliado em 5 milhões de reais. Um homem de 40 anos foi preso em Tuparendi por ordem judicial e recolhido ao presídio de Santa Rosa.


GSRN

Foto - Sílvio Brasil


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckRepresentações Birck - 1 Cotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaRepresentações Birck - 1 Representações Birck