Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015
Por Donato Heinen. Publicado em 13/01/2020 as 17:25:17

Deputados descobrem como ser “digital influencer” com dinheiro público

Por Lucio Vaz


Publicação de gata desaparecida no Instagram e no site da deputada Jaqueline Cassol: verba do “cotão” foi utilizada para contratar empresa que desenvolveu novo layout do site.| Foto: Reprodução

Os gastos dos deputados federais com assessores, verbas para o exercício do mandato, viagens e auxílio-moradia em 2019 já somam R$ 723 milhões. E ainda falta o registro de muitas despesas feitas em dezembro. Só os gastos com divulgação – ou autopromoção do mandato – já chegam a R$ 37 milhões: uma estratégia que "ensina" como ser digital influencer com dinheiro público. Nas redes sociais e em site oficial tem até nota de desaparecimento de gato de filha de deputada.

A maior despesa é com o salário dos assessores dos gabinetes dos deputados. Eles contam com cota mensal de R$ 111 mil para contratar até 25 “secretários parlamentares”, com salários que chegam a R$ 15,7 mil.

Os assessores trabalham em Brasília ou em estados dos deputados. Já foram contabilizados R$ 548 milhões, sem contar 13º salário e auxílio-alimentação, pagos pela Câmara fora da cota mensal. Também não estão computados os 785 cargos de natureza especial cedidos para 390 gabinetes de deputados a um custo anual de mais R$ 93 milhões. 

Gazeta do Povo


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckRepresentações Birck - 1 Filtros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck - 1 Representações Birck