Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015
Por Donato Heinen. Publicado em 22/01/2020 as 11:52:00

Julgamento do impeachment de Trump começa com disputa sobre testemunhas

Senadores deverão decidir, com base nas acusações da Câmara dos Representantes, se o presidente norte-americano será ou não afastado


Julgamento do impeachment de Trump no Senado teve início nesta terça-feira, 21 - Evan Vucci/AP

O histórico julgamento de impeachment contra o presidente dos Estados UnidosDonald Trump, começou nesta terça-feira, 21, no Senado do país, com um debate sobre as regras do processo no qual a oposição democrata acusou a maioria republicana de proteger o chefe de Estado.

Os senadores deverão decidir em um tribunal conduzido pelo presidente da Suprema Corte, John Roberts, sobre as acusações que a Câmara dos Representantes – controlada pelos democratas – atribuiu a Trump no mês passado: abuso de poder e obstrução ao Congresso.

O julgamento, que provavelmente terminará absolvendo Trump, dada a maioria republicana na Câmara Alta, começou com um debate sobre as regras do processo.

 O líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnel, apresentou um projeto de resolução sobre o procedimento com o qual busca estabelecer restrições às provas da investigação e à participação de testemunhas, além de buscar acelerar o processo.

O passo a passo de McConnell indica que as argumentações serão apresentadas em rodadas de oito horas para a acusação, tempo equivalente para a defesa e depois 16 horas para os interrogatórios, um cronograma adaptado após o inicialmente proposto de celebrar sessões vespertinas de 12 horas, criticado duramente pelos democratas.

McConnell também deixou claro que planeja bloquear qualquer tentativa dos democratas de mudar seu planejamento. “A estrutura básica que estamos propondo é tanto justa quanto equilibrada”, disse o republicano.

A primeira das emendas apresentadas pelo líder da minoria democrata, Chuck Schumer, requeria a apresentação de documentos da Casa Branca e foi rechaçada em uma votação na qual os senadores ficaram alinhados com seus respectivos partidos: os 53 republicanos votaram contra e os 47 democratas se pronunciaram a favor. 

Veja


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckRepresentações Birck - 1 Filtros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck - 1 Representações Birck