Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Água Kangen
Por Vilmar Pudell. Publicado em 26/06/2020 as 10:51:07

Em meio à crise, leis de incentivo são alternativas para fomentar o futsal

Empresas com lucro dedutível podem destinar até 1% do imposto de renda devido em cada período de apuração (trimestral ou anual), e canalizar este recurso para um projeto Pessoas físicas podem destinar até 6% do imposto de renda devido até dezembro de cada ano Não há contrapartida e é autorizado o marketing institucional a partir do incentivo


O final do segundo trimestre do ano é um momento chave para a captação de apoiadores para o futsal a partir das leis de incentivo ao esporte. E o exemplo vem da própria Liga Gaúcha de Futsal. Estamos em pleno período de captação de recursos, pela Lei Federal de Incentivo ao Esporte, para o projeto "Liga Gaúcha de Futsal: a união pelo bem da modalidade", que pretende reduzir os custos aos clubes para as 10 competições oficiais da Liga: do Sub-9 à elite.

"É um projeto que promove a integração social por meio das competições esportivas. Com abrangência em todas as regiões do Estado e benefícios a todas as faixas etárias. É vantagem para a empresa que se torna parceira, por deduzir do seu imposto de renda devido e garantir um marketing institucional sem maiores burocracias, e também para a instituição e os filiados, como uma alternativa  cada vez mais viável em tempos de crise", explica o diretor de projetos da Liga, Vinícius Alves.

BALDO É NOVO PATROCINADOR DA LIGA GAÚCHA

Aprovado em agosto do ano passado, o projeto da Liga tem prazo até agosto de 2022 (prorrogado em virtude da pandemia) para captação da meta de R$ 385,4 mil. Até o momento, a partir dos parceiros Baldo Erva-Mate e Soja, Banco Digimais e Benoit Eletrodomésticos, já foram captados 22% da meta.

"Pela legislação, é possível iniciar a aplicação dos recursos a partir e 20% captados, mas a nossa intenção é chegarmos aos 100% para não precisarmos readequar o investimento e conseguirmos reduzir custos de competições, principalmente no próximo ano, que é o pós-pandemia", diz.

A busca por recursos a partir das leis de incentivo ao esporte não chega a ser novidade na modalidade, mas a realidade apresentada pelo coronavírus, com muitos patrocinadores diretos reduzindo investimentos, aumenta ainda mais a atratividade das leis de incentivo. Para isso, é preciso que os clubes apresentem projetos em nível estadual ou federal.

"No Pró-Esporte, que é a lei estadual de incentivo ao esporte, em torno de 60% dos clubes da Liga têm projetos aprovados. Nas últimas reuniões da câmara técnica, o futsal sempre é destacado pela maioria dos projetos aprovados. É sinal de que a modalidade está organizada. A lei federal é bastante utilizada por clubes da Liga Nacional e por alguns no Rio Grande do Sul, como a ACBF. Estamos fazendo um levantamento detalhado dos clubes com projetos estaduais e federais para incentivarmos cada vez mais outras iniciativas criativas e que valorizem ações sociais feitas pelos clubes para a busca de incentivo à modalidade", explica Alves.

O PROJETO "LIGA GAÚCHA DE FUTSAL: A UNIÃO PELO BEM DA MODALIDADE

Abrangência: pelo menos 2.100 beneficiários diretos em todas as regiões do Estado
Objetivo: recursos humanos, premiação e material esportivo para 10 competições (Sub-9, Sub-11, Sub-13, Sub-15, Sub-17, Sub-20, Feminino, Liga Gaúcha, Liga Gaúcha 2 e Liga Gaúcha 3)
Valor aprovado: R$ 385,4 mil (R$ 80 mil já captados)
Projeto aprovado pelo Ministério da Cidadania - Secretaria Especial do Esporte

AS LEIS DE INCENTIVO AO ESPORTE

Federal

Empresas com lucro dedutível podem destinar até 1% do imposto de renda devido em cada período de apuração (trimestral ou anual), e canalizar este recurso para um projeto
Pessoas físicas podem destinar até 6% do imposto de renda devido até dezembro de cada ano
Não há contrapartida e é autorizado o marketing institucional a partir do incentivo

Estadual

As empresas destinam parte do ICMS para o incentivo ao esporte, depositando uma contrapartida de 10% no Fundo Estadual do Esporte
Os projetos são aprovados por edital e recebem parte do recurso captado pelo fundo.

Por Eduardo Torres - Assessoria Liga Gaúcha

 


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckRepresentações Birck - 1 Filtros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck - 1 Representações Birck