Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Água Kangen
Por Donato Heinen. Publicado em 15/10/2020 as 10:29:38

Em jogo de oito gols, Inter bate o Sport em Recife

Vitória por 5 a 3 faz equipe colorada dividir liderança do Campeonato Brasileiro


Inter venceu Sport fora de casa pelo Brasileirão | Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação / CP

Em um campeonato equilibrado como o Brasileirão, é necessário se impor fora de casa contra adversários inferiores tecnicamente. E foi exatamente isso que o Inter de Eduardo Coudet fez na Ilha do Retiro na noite desta quarta-feira. Ajustado e bem postado, se impôs diante do Sport e bateu os pernambucanos pelo placar de 5 a 3, conquistando três pontos importantes na briga pela liderança.

Patrick marcou duas vezes para o Inter, em noite de grande atuação. Além de um gol contra de Adryelson, Moledo e Yuri Alberto anotaram para o Colorado. Os gols do Sport foram marcados por Marquinhos, Leandro Barcia e Mikael. 

Com o resultado, o Inter divide a liderança do Brasileirão com o Atlético-MG, por conta do empate em 1 a 1 diante do Fluminense. Os dois times estão empatados com 31 pontos, com vantagem para os mineiros nos critérios de desempate. O Colorado volta a campo para enfrentar o Vasco, no domingo. A partida, válida pela 17ª rodada, acontece no Beira-Rio, às 18h15min. 

Inter abre vantagem, mas sofre baque no fim do primeiro tempo 

Para a partida fora de casa diante do Sport, o técnico Eduardo Coudet optou por preservar uma das principais armas da sua equipe. O artilheiro do Brasileirão, Thiago Galhardo, que vinha sentindo dores no tornozelo há duas partidas, começou no banco de reservas. Na frente, a dupla de ataque foi formada por Leandro Fernández e Abel Hernández. No meio, Edenílson retornou de suspensão e iniciou o confronto. 

O jogo começou em ritmo lento. O Inter ficou mais com a bola nos minutos iniciais, mas trocou passes apenas no seu campo de defesa. A primeira chegada foi do Sport. Aos 24 minutos, o lateral Patric levou ao fundo e cruzou no meio da área para Lucas Mugni. O meia do Sport finalizou fraco, e ela saiu à esquerda de Marcelo Lomba. 

A resposta veio minutos depois. Desta vez, foi o Patrick do Inter quem levou ao fundo e avançou pela esquerda, levantando para a zaga do Sport afastar. Na cobrança de escanteio, a defesa dos pernambucanos se atrapalhou, e ela sobrou para Rodinei. O lateral finalizou rápido, porém sobre o travessão de Luan Polli. 

Patrick era um dos melhores jogadores do Inter no primeiro tempo, pela contribuição ofensiva. E ele foi recompensado com um lindo gol aos 34 minutos. Invadiu a área pelo lado esquerdo, e cortou a marcação duas vezes, para deixar o defensor do Sport sentado. Quando clareou, fuzilou forte, de canhota, sem chances para Luan Polli, abrindo o placar com justiça em 1 a 0 para os visitantes, que eram melhores no momento do gol. 

Não demorou muito para o Colorado ampliar. A superioridade pelo lado direito se converteu em chance de gol graças a boa jogada de Rodinei. Ele dominou e deu um toque rápido na bola para vencer a marcação e cruzar para o meio da área. Lá, Abel Hernández, trombando com os zagueiros do Sport, empurrou para fazer o 2 a 0. O gol, porém, foi dado contra para o zagueiro Adryelson.

Com o placar controlado, o Inter parecia que encaminharia um duelo tranquilo. Ledo engano. A equipe sofreu um susto ainda no fim do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, aos 42 do segundo tempo, Cuesta e Moledo se atrapalharam. Os defensores bateram cabeça, e o baixinho Marquinhos se aproveitou para, de cabeça, encobrir Marcelo Lomba e diminuir o prejuízo dos donos da casa ao intervalo, com o 2 a 1 no placar.

Inter chega a goleada na etapa final

Apesar do susto no final da primeira etapa, o Inter voltou a se impor logo no início do segundo tempo. Leandro Fernández cobrou escanteio após falta perigosa na entrada da área, e ela chegou até Rodrigo Moledo. Ele venceu a marcação, subiu mais alto que a defesa do Sport e testou para o fundo do gol, fazendo 3 a 1 para o Inter. 

No entanto, mais uma vez a vantagem de dois gols durou pouco. Aos 10 minnutos, em trocas rápidas de passe, o Sport chegou ao gol de desconto. Em jogada pela esquerda, a bola chegou até Leandro Barcia, que havia entrado no intervalo no lugar do apagado Hernane Brocador. Mesmo marcado por Cuesta, ele fuzilou para o gol de Marcelo Lomba, descontando em 3 a 2. 

Aos 20 minutos, Coudet fez duas modificações no setor ofensivo. Sacou o apagado Leandro Fernández e Abel Hernández, para lançar a campo o artilheiro do Brasileirão, Thiago Galhardo, e Yuri Alberto. Logo depois, uma troca mais significativa: o volante Rodrigo Dourado, que não atuava havia um ano e três meses, entrou no lugar de Rodrigo Lindoso. Ao pisar no gramado da Ilha do Retiro, ele recebeu a faixa de capitão de Edenilson.

Melhor no jogo e tendo a bola aérea como arma, o Inter decidiu o jogo assim. E novamente com o inspirado Patrick, um dos melhores em campo na noite desta quarta-feira. Após cobrança de escanteio pela esquerda, a bola chegou para ele no segundo pau. De cabeça, testou para o fundo das redes de Luan Polli, sem chances para o goleiro adversário.

No fim, o Inter ainda ampliou. Edenílson puxou contra-ataque pelo lado direito, em velocidade. Mesmo no fim do jogo, conseguiu arrancada com explosão, levando o time ao ataque. No pique, conseguiu bom cruzamento para Yuri Alberto. O atacante complementou para o fundo das redes, anotando seu primeiro gol pelo Inter.

Ele só não deu números finais ao confronto porque, no fim, Mikael descontou. Em cobrança de escanteio, o jogador marcou o terceiro do Sport, encerrando o movimentado placar em 5 a 3 em favor do Inter.

Campeonato Brasileiro 2020 - 16ª rodada

Sport 3

Luan Polli; Patric, Maidana, Adryelson e Luciano Juba; Marcão, Ricardinho (Júnior Tavares), Lucas Mugni (Ronaldo Henrique) e Thiago Neves (Jonatan Gómez); Marquinhos (Mikael) e Hernane (Leandro Barcia). Técnico: Jair Ventura 

Inter 5

Marcelo Lomba; Rodinei, Moledo, Cuesta e Uendel; Lindoso (Dourado), Edenílson, Patrick (Zé Gabriel) e Marcos Guilherme; Leandro Fernández (Yuri Alberto) e Abel Hernández (Thiago Galhardo). Técnico: Eduardo Coudet 

Gols: Patrick (34/1T) (30/2T), Moledo (5/2T),  Adryelson (contra) (39/1T) e Yuri Alberto (36/2T);  Marquinhos (42/1T), Leandro Barcia (10/2T) e Adryelson (44/2T), 

Cartões amarelos: Adryelson, Lucas Mugni e Leandro Barcia (Sport); Patrick e Yuri Alberto (Inter)

Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE) 

Data e hora: 14/10, às 21h30min 

Correio do Povo


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckRepresentações Birck - 1 Filtros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck - 1 Representações Birck