Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015Diel & Werlang advogados
Por Donato Heinen. Publicado em 29/06/2022 as 16:01:14

O "ultimato" que se transformou em campanha de acesso para o Grêmio

Desde a partida emblemática contra o Vasco, Tricolor soma mais de 66% de aproveitamento


Consolidado no G-4, Grêmio de Diego Souza abriu quatro pontos para o quinto colocado (André Ávila / Agencia RBS)

As atuações do Grêmio na Série B realmente assustam. Agora parece que a maior turbulência vivida pelo time Roger Machado arrefeceu. Pelo menos, os resultados aliviam as críticas, e a campanha, nos últimos jogos, dá sinais de tranquilidade para o principal objetivo do clube: voltar à Série A. 

Aquele "ultimato" colocado ao trabalho de Roger antes do confronto contra o Vasco, no Rio de Janeiro, sofreu uma grande transformação. De lá pra cá, são seis jogos, com três vitórias (todas elas na Arena) e três empates (todos fora de casa). 

O aproveitamento dessa campanha recortada resulta em mais de 66%. Jamais, na história da Série B na era dos pontos corridos, um clube não conseguiu subir com estes números. O mais alto foi registrado em 2012, quando o Vitória somou 71 pontos ao final da competição (62% de aproveitamento).

Caso mantenha esse retrospecto, o Grêmio vai acabar a Série B com 76 pontos. Uma pontuação mais do que suficiente para subir de divisão. Aliás, pelo histórico do campeonato, trata-se de uma campanha inclusive para brigar pelo título. A questão é que há dois clubes com números fora da curva no momento: Cruzeiro (81% de aproveitamento) e Vasco (72%).

Últimos seis jogos do Grêmio:

  • 0x0 Vasco
  • 2x0 Novorizontino
  • 0x0 Sport
  • 2x0 Sampaio Corrêa
  • 1x1 CSA
  • 1x0 Londrina

- 3 vitórias e 3 empates
- 66,66% de aproveitamento 


GZH


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckFiltros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck