Banner Tchê Milk - 14-10-22Supermercado Kramer - 8-2-23VALUPI Fitness Academia
Por Donato Heinen. Publicado em 15/08/2023 as 15:59:42

Governo Lula teme vitória de Milei, o “Bolsonaro argentino”

Interlocutores em Brasília preocupam-se com uma paralisia na política de integração


Javier Milei Foto: EFE/ Juan Ignacio Roncoroni

O governo brasileiro, sob o comando do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), acompanha com atenção o desenrolar das eleições na Argentina, temendo uma possível vitória de Javier Milei, candidato apoiado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). 

Segundo o jornal O Globo, quatro interlocutores expoentes do governo disseram que a avaliação é de que, caso Milei saia vitorioso em outubro, deve haver uma paralisia na política de integração e no Mercosul. Atualmente, Lula tem aproveitado sua proximidade com os presidentes de esquerda dos países vizinhos. Ter um líder do espectro político oposto na Argentina seria negativo para o petista. 

Segundo as fontes, o governo Lula está torcendo para que Milei seja derrotado, entretanto, reconhece que há a possibilidade do cenário de vitória se concretizar. Eles afirmam que, nesse caso, os rumos políticos trilhariam por terrenos desconhecidos.

Um dos interlocutores chegou a dizer ter recebido com choque a notícia de que o candidato venceu as Primárias Abertas Simultâneas e Obrigatórias (Paso).

Líder da frente A Liberdade Avança, Javier Milei é deputado e economista, e é frequentemente comparado ao ex-presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PL). Ele foi o candidato mais votado das primárias abertas no último domingo (13), em que o povo argentino definiu quais os nomes que disputarão à Presidência. Milei concorrerá com Patricia Bullrich, da coalizão opositora Juntos por el Cambio (Juntos pela Mudança) e com o ministro da Economia peronista, Sergio Massa. 

Pleno News


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckFiltros Europa
Filtros EuropaRepresentações Birck