Banner Tchê Milk - 14-10-22Supermercado Kramer - 8-2-23VALUPI Fitness Academia
Por Donato Heinen. Publicado em 05/07/2024 as 12:52:27

Grêmio cede empate ao Palmeiras e desperdiça chance de sair do Z-4

Em seu segundo jogo no retorno ao RS, Tricolor saiu na frente com Pavon e Cristaldo; time paulista igualou num intervalo de três minutos, com Flaco López e Estevão


O Grêmio perdeu uma grande chance de deixar o Z-4. Após abrir 2 a 0 sobre o Palmeiras, com gols de Pavon e Cristaldo, o Grêmio não suportou a pressão do time paulista. Flaco López e Estevão empataram o jogo no Estádio Centenário na noite desta quinta-feira (4). Desde a nona rodada na zona de rebaixamento, o Tricolor desperdiçou os resultados paralelos favoráveis e seguirá com a pressão de seguir na parte de baixo da tabela.

Renato Portaluppi resolveu dar sequência ao modelo tático que deu certo contra o Fluminense. Sem um centroavante, o ataque teve Cristaldo e Edenílson se revezando na linha de frente. No lugar de Dodi, suspenso, Carballo entrou e jogou ao lado de Pepê. E sem Geromel, preservado, Kannemann formou a dupla de zagueiros com Rodrigo Ely.


Estêvão abriu o jogo com uma caneta espetacular em Reinaldo, mas foi o jovem talento do Grêmio que se mostrou mais eficiente. Logo com dois minutos de partidas, Gustavo Nunes tabelou com Cristaldo, invadiu a área e só tocou para Pavon empurrar para o fundo do gol. 

O gol não arrefeceu o impeto gremista. Uma blitz no campo do Palmeiras rendeu outras duas oportunidades antes dos 10 minutos. A primeira saiu de um lance trabalhado, que após combinação na entrada da área, teve um chute perigoso de Gustavo Nunes. A segunda, após cobrança de escanteia, foi de um cabeceio de Rodrigo Ely por cima do gol. 

A partir das chances desperdiçadas pelo time gaúcho, o Palmeiras tomou conta da partida. E a bola quase não saiu mais do campo do Grêmio. Para a irritação de Renato, que cobrou seus jogadores da beira do campo, a equipe paulista teve grande chance após cobrança de lateral. Marcos Rocha jogou a bola até a área do Grêmio, onde Rony ganhou de Ely e tocou de cabeça na bola. Marchesín mostrou reflexos em dia e fez grande defesa, aos 12.

Principalmente em chutes de fora da área, o Palmeiras assustava o gol gremista. Estvevão quase fez um golaço. Na sequência, Piquerez arriscou e Marchesín defendeu de manchete. No rebote, Flaco López acertou a cabeça de Rony e perdeu a chance de empatar.

A última chegada perigosa ocorreu nos acréscimos do primeiro tempo. Rony recebeu na área, girou com liberdade e chutou ao lado do gol de Marchesín.

No primeio lance da segunda etapa, o Grêmio escapou de levar  gol. Jhon Jhon recebeu completamente livre na pequena área gremista, mas finalizou para fora.  A pressão do Palmeiras esquentou o clima na defesa do Grêmio. Com o jogo parado para a cobrança de falta, Reinaldo e Marchesín discutiram feio e tiveram de ser separados.

Para renovar o fôlego do time, Renato apostou em Galdino no lugar de Edenílson. A mudança ajudou a melhorar a produção do time. E os contra-ataques viraram arma a favor do Grêmio. Em uma combinação após cobrança de escanteio com Reinaldo, Cristaldo foi derrubado por Vanderlan. Pênalti a favor do Tricolor.


Cristaldo cobrou e converteu. Renato resolveu fazer mais trocas.  Rodrigo Caio fez sua estreia pelo Tricolor, no lugar de Cristaldo. Natã foi a campo na vaga de Ely, que reclamou de lesão muscular. E JP Galvão, vaiado, substituiu Cristaldo. Mas quem aproveitou foi o Palmeiras. Mayke ganhou de Reinaldo e cruzou. A bola encontrou Flaco López, que desta vez aproveitou a oportunidade, e descontou aos 28.

Instantes após a saída de bola do Grêmio, os torcedores no Centenário testemunharam um golaço. Estevão chutou da intermediária e acertou o ãngulo de Marchesín aos 31. Nathan Fernandes foi chamado por Renato. O atacante entrou na vaga de Gustavo Nunes.


Satisfeito com o ponto somado e com o receio de abrir demais o time e levar a virada, o Grêmio administrou os minutos finais da partida na Serra. É novamente em Caxias do Sul, no próximo domingo, que o Tricolor espera deixar de vez o Z-4. Desta vez contra o Juventude, no Alfredo Jaconi.

14ª rodada — 4/7/2024

Grêmio (2)
Marchesín; João Pedro, Rodrigo Ely (Rodrigo Caio, 27'/2ºT), Kannemann e Reinaldo; Carballo, Pepê, Pavon (JP Galvão, 27'/2ºT), Edenilson (Galdino, 13'/2ºT) e Gustavo Nunes (Nathan Fernandes, 35'/2ºT); Cristaldo (Natã, 27'/2ºT). Técnico: Renato Portaluppi

Palmeiras (2)
Weverton; Marcos Rocha (Dudu, 23'/2ºT), Naves (Vanderlan, 8'/2ºT), Vitor Reis e Piquerez; Aníbal Moreno, Fabinho (Mayke, INT). Estêvâo (Caio Paulista, 42'/2ºT), Jhon Jhon e Rony; Flaco López. Técnico: Abel Ferreira

GOLS: Pavon (G) aos 2min do 1º tempo; Cristaldo (G), aos 24min, Flaco López (P), aos 28min, e Estêvão (P) aos 31min do 2º tempo
CARTÕES AMARELOS: Rodrigo Ely, Natã ; Vitor Reis, Naves, Aníbal Moreno  (P)
ARBITRAGEM: Marcelo de Lima Henrique (CE), auxiliado por Alex dos Santos (SC) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ). VAR: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
PÚBLICO: 15.689 (15.597 pagantes)
RENDA: R$ 570.549,00
LOCAL: Estádio Centenário, em Caxias do Sul

Próximo jogo
Domingo, 7/7 — 16h
Juventude x Grêmio
Estádio Alfredo Jaconi — Brasileirão (15ª rodada) 


GZH


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckFiltros Europa
Filtros EuropaRepresentações Birck