Mieth MadeirasBlumen Platz Center - Outubro de 2015
Por Donato Heinen. Publicado em 10/06/2021 as 12:48:40

Depois de denúncia, Keiko Fujimori pede a anulação de 200 mil votos

A candidata da direita à Presidência do Peru sustenta que houve fraude na disputa eleitoral; OEA não reconhece acusação


Keiko afirma que tem provas do que disse | Foto: Divulgação/Flickr

A candidata da direita à Presidência do Peru, Keiko Fujimori, entrou com um recurso no Júri Eleitoral (semelhante ao TSE) para pedir a anulação de 200 mil votos — 802 atas eleitorais — porque houve fraude na disputa eleitoral. Segundo ela, seu partido coletou evidências das irregularidades, que embasam o processo movido na Justiça.

“Se somarmos 802 atas em que foram apresentados pedidos de nulidade que representam mais ou menos 200 mil votos, e adicionarmos as 1,2 mil atas sob observação, que representam 300 mil votos, ainda estão em jogo 500 mil votos, meio milhão de votos a nível nacional”, declarou a conservadora, em entrevista coletiva, na quarta-feira 9. 

Faltando pouco menos de 1% de apuração das urnas para o encerramento do pleito, o extremista de esquerda Pedro Castillo está na dianteira, com 50,2% dos votos válidos, contra 49,7% de Keiko, que liderava até a manhã da terça-feira 8. O novo presidente tomará posse em 28 de julho e comandará um país em crise, que teve quatro chefes de Estado desde 2018.

Até o momento, a Organização dos Estados Americanos não comprovou as denúncias de Keiko. 

Revista Oeste


Nome:

E-mail:

Comentário:

Cidade:


Comentários


Representações BirckFiltros EuropaCotrio - Logomarca
Cotrio - LogomarcaFiltros EuropaRepresentações Birck